Novinha metendo o consolo na buceta molhada gulosa

Novinha metendo o consolo na buceta molhada gulosa

Novinha metendo o consolo na buceta molhada gulosa

Sem muitas conversas, se aproximo de mim e seu cacete de 20 cms foi direcionado a boca, onde gulosamente chupei todo ele.

Claro que eu cheguei bem pertinho dela, abracei-a forte, enchuguei suas lagrimas e dei-lhe um beijo… so que este foi carregado de amizade e consolo! Ficamos um bom tempo nos beijando, depois aconteceu algo que eu realmente nao esperava, mas que foi uma das melhore coisas da minha vida! Logo apos que nos beijamos, ela sorriu maliciosamente e disse: “agora e a minha vez, tambem quero!!!”Acessamos a Internet e começamos a procurar sites com histórias que poderíamos transformar em teatro, com o tempo foi tudo virando uma baderna só e ninguém queria mas saber de teatro. Subi as mãos por suas coxas segurando-a pela cintura enquanto sugava seu melzinho lubrificante, pus uma camisinha e enfiei meu pau em sua buceta, ali mesmo, no sofá, meti gostoso por um bom tempo naquela posição, apertando e beijando seus peitos, chupando sua língua e beijando sua boca, sua nuca, olhávamos para nossos sexos, meu pau sumindo e aparecendo em sua bucetinha, carnuda e lisa, decorada com o pequeno “bigodinho”, vi que a visão a deixava mais excitada, então dizia: – olha gostosa, olha meu pau sumindo em você, olha sua buceta me engolindo inteiro, olha safada….

No meu trabalho entrou uma novata, novinha, muito bonita e daquelas que quando bem estimulada topa qualquer coisa, nos conhecemos e fomos nos aproximando aos poucos, nunca menti pra ela sempre disse que era casado, mas mesmo assim não conseguíamos ficar longe um do outro, ela sempre me provocando e eu resistindo, um dia ela faltou no trabalho, quando estava na hora de ir pra casa ela me ligou, disse que queria falar comigo com urgência, liguei pra minha casa e avisei que chegaria mais tarde. Eu escrevi:– Espere um pouco que eu vou colocar uma calcinha e pegar meu consolo, quero imaginar que é você metendo no meu cu…Eu tinha um vibrador de uns 20 cm, grande mas parecia ser bem menor e mais fino que aquele caralho descomunal dele…No que ele disse:– Não demora que eu to quase gozando e quero que você assista meu pau dando leite…Eu já estava montada, mas queria me produzir um pouco mais para ele… Eu sentia que podia ser pra ele que eu daria meu rabinho pela primeira vez, o que eu ansiava há algum tempo.

"A saia estava no chão e a calcinha branca dela estava molhada.