Magrinha Méte de mais

9 min

Categoria:

Tag: , , , , , ,

visualizações

9 min

Categoria:

Tag: , , , , , ,

Magrinha Méte de mais

Magrinha Méte de mais

Meu pau entrava e saia de dentro dela só o suficiente para nos fazer gemer e delirar. Ela aprendeu como abaixar o banco até quase virar uma cama e os dois ficaram se beijando, se tocando, ele a mamava, ela pegava no pau dele que endureceu logo. Lambeu ele todo, mordiscou minhas bolas, chupou suavemente a minha generosa cabeça e eu queria transar com a boca dela, mas pensei, ela sabe melhor do que eu o que faz, e deixei. A verdade é que não consegui andar 300 metros e tive que parar o veiculo. Depois de uns minutos desfalecido ele disse:– Vamos dilatar teu cu com os brinquedos?– Não sei, já to bem fodido, meu cu tá sensível por dentro, se olhar no espelho a carne do meu cu deve tá toda inchada.

Dizendo isso, enfiei um dos dedos bem fundo na minha menininha levada e dei para o meu pintor chupar.

Não que vá ajudar muito…Prontamente peguei mais uma toalha. – “Hã? Do que você está falando?”– “É isso ai, amiga…”, intrometeu-se Patrícia, tomando partido.

Não resisti e levei a mão agarrando um dos seios. fui tirando ela de cima e não acreditei quando ví sua carinha mudar enquanto meu pau escorregava lentamente pra fora. Tá afim?""Bom, vou contar agora como foi a segunda vez que aconteceu com o cara que conheci no bate papo. Era morena, baixinha de cabelos cacheados até a altura dos ombros, magrinha peituda, uma graça.

Passava a lingua, saboreando ponto a ponto, descia até o saco, abocanhando seus ovos. A Patrícia, recuperada, aproximou-se do casal que trepava em ritmo alucinante.

Estava nú e seu pau,duro como aço, tinha, no mínimo uns 21 cm de comprimento e 6 cm de largura. Então ele se ajoelhou, ergueu uma de minhas pernas no ombro e começou a me lamber….

Fomos até a cama dos pais dele. saíamos de um motel, e iamos pra outro. Óbvio, vc tem uma boquinha gostosa não tinho como controlar as reações de meu corpo disse.