Fodendo a gostosa da amiga rabuda

3133 visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , ,

3133 visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , ,

Fodendo a gostosa da amiga rabuda

Fodendo a gostosa da amiga rabuda

Estava feito, a pica dela estava toda dentro do meu cuzinho. Só que, um dia, a Angela veio com o papo de que muitas amigas faziam, e coisa e tal, e eu fui taxativo. Excitado e eu como gosto muito já fui desabotoando sua calça e no caminho para sua casa já comecei um boquete maravilhoso, engolindo todo aquele pau e sentindo-o crescer e endurecer na minha boca.

Foi uma das melhores transas da minha vida. Eu pensava: poxa, meu pau já está duro, porque elas não me deixam come-las? E nada, só ficavam me punhetando e aí… gozei!Elas riram, minha amiga me deu um beijo e falou que era só isso.

a gente sabe que vc vai voltar putinha rabuda, e me comeram quase que diariamente por uns 40 dias…. Por algumas vezes me tranquei no banheiro e de lá só saia depois de gozar bem gostoso pensando no chefe me comendo na sala de reunião; prendendo minhas mãos para trás, empurrando metade do meu corpo na mesa, me forçando a abrir minhas pernas, arrancando minha calça, colocando a calcinha para o lado e enfiando seu pau na minha buceta com gosto, me fodendo até gozar na minha boca.

ELE foi ao Maximo do prazer e gozou na minha boca, E que gala gostosa !!! Que mesmo depois dele ter gozado não conseguia tirar aquele Pau da minha boca. ESTOU DOIDO PARA FAZER TUDO D NOVOIniciei o serviço na manhã de quarta e depois de muita pesquisa o serviço foi criando luz pelos ambientes, mas no decorrer do serviço meu amigo teve que se ausentar para socorrer um parente e eu ficamos sozinho, é uma vila bem aconchegante e só existe um morador que vive direto lá, um senhor de 72 Anos, magro, corpo definido sem pelos, bem bronzeado, um coroa de bem com a vida, falador e sempre a disposição, chegou a hora de almoçar e fui tomar um banho, descobri que a água do meu amigo havia sido cortada, pois ele ficou muito tempo sem ir lá e por isso cortaram a água, falei com o senhor que mora ao lado, vou chama-lo de Luiz, e pedi um pouco d’água para tomar banho, ele me atendeu só de sunga dizendo que o chuveiro fica bem na entrada e que eu poderia usar a qualquer momento, ligou a água e tomou uma ducha na minha frente para mostrar como ligava o chuveiro, sem modéstia nenhuma ele abaixou a sunga e lavou suas partes e falou que eu poderia provar também, dei um sorriso e ele não entendeu.