Esposa no boquete até tomar gozada na boca engoliu toda porra

42 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

visualizações

42 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

Esposa no boquete até tomar gozada na boca engoliu toda porra

Esposa no boquete até tomar gozada na boca engoliu toda porra

rnDepois do almoço resolvi tirar uma soneca pra me recuperar de tantas emoções que havia passado e meu sogro safado também resolveu fazer o mesmo. Eu já estava suando com aquele boquete tão demorado, mas continuei falando o que acontecia na piscina. Quando fui gozar tirei da boca dela e gozei nos peitos dela, ela passava a mão na porra e levava até a boca, e dizia que não havia nada melhor do que caldo de pistola.

Ele perguntou como eu chegaria em casa naquele estado, com a buceta toda gozada.

"Como acontece sempre que minha esposa está com muito tesão ela sente vontade de dar o cuzinho. Elevei o cós da calcinha e avancei. "E juntos, agora, desfrutarem de um prazer absoluto, resultado de um sexo pleno, de duas pessoas que se desejam. Por fim, fomos tomar um banho. "Quando eu tinha 16 anos já tinha transado com vários amigos, porem todos tinham um dote pequeno de no máximo 15cm e o meu fetiche era transar com alguém bem dotado, eu tinha um colega de escola chamado Diego ,ele era moreno alto sarado, ele era quieto e tinha 17 anos, me aproximei dele e puxei conversa, ele era legal, comecei a conversar com ele por vários dias seguidos pois diziam que ele era gay e tinha um dote enorme, após ficamos amigos convidei Diego para ir na minha casa para nadarmos na piscina, minha mãe ficava o dia todo fora de casa trabalhando então não teria problema … Diego aceitou, então logo depois da escola que acabava 12:00 fomos para a minha casa, tranquei o portão e fomos direto para a piscina, Diego falou se teria problema de ele nadar de cueca e eu disse que não, nadamos por algum tempo e depois começamos a conversar, eu mandei algumas indiretas para ele que percebeu, então ele me perguntou se eu era gay, eu fiquei quieto e ele deu uma risada, disse que eu não precisava ter vergonha porque ele também já tinha feito sexo com homens, eu perguntei se ele era passivo ou ativo e ele respondeu que era ativo, e me fez a mesma pergunta e eu disse para ele que eu era passivo, ele então deu uma risadinha maliciosa e disse se eu achava ele bonito, respondi que sim e então ele perguntou se eu queria transar com ele, fiquei quieto e apenas deu um sorriso malicioso.

E chupou até que ele gozasse, ela engoliu uma parte, a outra escorreu pelo queixo e caiu nos seios.

Chego perto dele e pergunto: “Onde fica banheiro? Não conheço esse andar.