Caiu na net vídeo porno caseiro novinha amadora fica toda molhadinha metendo amigo do trabalho – joão pessoa – pb

1595 visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , ,

1595 visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , ,

Caiu na net vídeo porno caseiro novinha amadora fica toda molhadinha metendo amigo do trabalho – joão pessoa – pb

Caiu na net vídeo porno caseiro novinha amadora fica toda molhadinha metendo amigo do trabalho – joão pessoa – pb

Ela dava uns gemidinhos baixos, e começava a ficar molhadinha. não saia da minha cabeça!Ela também escolheu um vídeo de uma coroa loira linda que adora pegar numa piroca, para você ver depois de ler o conto.

"A história que venho contar acontrceh ontem na minha casa,estava eu e Luiz sozinho na minha casa brigando do nada,veio aquela safadeza na minha mente,maldade nele que acabou a briga… Cheguei perto dele começei beijar ele loucamente no sofá,beijando ele que nem uma louca msm,ae beijo vai,beijo vem,sentei no colo dele começei a rebolar bem gostoso continuando beijando ele né,Luiz nada safado abaixou a alça da minha blusa começou a chupar meus peitos com tanta vontade que chega minha buceta ficou molhadinha,eu ja doida ali pra dar pra ele,chamei ele pro meu quarto,deitamos na cama tiraos a roupa e começamos transar bem gostoso,Luiz veio por cima de mim ja saiu metendo o pau dando varias estocadas bem firme eu la delirando de prazer gemendo baixinho no ouvido dele: – Falando pra ele me fuder mais e mais pq tava gostando…Ele meteu meteu tanto que gozei, depois mudei a posiçao fiquei por cima dele rebolando sentando horres fiz ele gozar e continuei sentando e rebolando,Luiz do nada começou a me fuder bem gostoso e eu amando aquilo tudo né gemendo bem alto pra ele me fuder mais e mais que queria gozar mais ainda no pau dele,ele entao atendu o pedido e meteu com uma força do crl eu ja doida ali,metia junto com ele,ate que os dois gozaram junto,depois fizemos um 69 ele me chupando e eu chupando aquele pau delicioso e depois ficamos na cama um do lado do outro Luiz chupando meu peito com muita vontade eu dava ate uns gemidos bem baixinho… Depois paramos e descansamos do lado do outro la pensando que a cada dia que passa a gente transar cada vez melhor…. João era meu vizinho, tinha na ocasião uns 25 a 30 anos de idade e costumava ficar olhando os meninos da rua brincar em frente a sua casa, uma rotina diária depois da escola, inclusive ajudava quando preciso.

Ela dizia que queria dar pro caseiro, que eu seria seu corno e me perguntava se eu vi o quanto ele estava com tesão ao me ver daquele modo e dizia que queria aquela pica dentro dela e gozou gritando que eu seria seu corno manso.

Eles moravam numa bela casa, com um amplo jardim e um quintal ainda maior, onde havia piscina e uma quadra que era usada para peteca, vôlei e até futebol de salão!Eis que uma manhã, tão logo ele saiu para o trabalho, o rapaz que limpava a piscina chegou e começou o seu trabalho. Você se importa?"Ola pessoal, meu nome e Moreira, tenho 28 anos, sou evangélico, vou contar aqui o que aconteceu comigo quando eu trair minha esposa.

– Agora, meus queridos amigos, tenho de ir. – Isso vai acontecer de novo?No dia seguinte quando cheguei da escola fui na internet para ver pornografia, eu via aqueles garotos levando cada pica enorme no cu sem reclamar e ainda pedindo mais, então eu pensei, (é que até agora eu não transei com ninguém dotado e o meu cu não esta acostumado), mais ai eu pensei (o que posso fazer) e a resposta veio na minha cabeça, vou comprar um vibrador para me acostumar, fui então a um site de um sexshop e escolhi um vibrador de 20 cm, liguei e perguntei se eles entregaram na minha cidade e a atendente disse que sim, então comprei no nome da minha mãe, peguei um dinheiro que eu tinha e paguei o boleto, então foi me dito que seria entregue pelo Sedex na tarde do dia seguinte, fiquei ansioso, dormi e fui na escola, voltei correndo, cheguei em casa e fiquei esperando, lá penas 2 tocou a campainha, o entregador disse que tinha uma entrega no nome de minha mãe, eu disse que ela tinha saído e me avisou para receber a encomenda, o entregador apenas me pediu para assinar um papel e deixou o pacote … peguei o pacote e fui direto para o meu quarto, abri e era exatamente como que queria, um vibrador rosa liso, li as instruções de uso, como veio sem bateria fui correndo ao mercado próximo a minha casa para comprar as baterias, voltei correndo, tranquei o portão e as portas e fui direto para o meu quarto, ai eu vi que não tinha lubrificante, como estava ansioso fui até a cozinha e peguei margarina para usar como lubrificante, coloquei as baterias e passei a margarina no vibrador, tirei a roupa e fiquei de lado para poder enfiar o vibrador no meu rabo, ele entrou com uma certa dificuldade, doeu sim mais aos poucos fui me acostumando com ele, eu enfiava um pouco e esperava, aos poucos foi indo até que entrou tudo, ai então liguei o vibro, era uma sensação incrível, aumentei o vibro até eu gozar, gozei feito um cavalo, nunca tinha gozado tanto, depois de gozar não tirei o vibrador do meu cu, apenas desliguei o vibro e deixei ele no meu cu para eu poder acostumar, fiquei assim por mais o menos 2 horas, quando vi que meu pau já estava duro novamente, ai liguei o vibro e comecei a bater uma punheta, fiquei assim por algum tempo até gozar novamente, já estava quase na hora de minha mãe chegar, então tirei o vibrador do meu cu e limpei a bagunça toda, quando fui tomar banho olhei para o meu rabo e vi que ele estava meio aberto, fiquei satisfeito … a partir deste dia passei a usar o vibrador todos os dias de tarde por mais de duas horas, isso foi alargando o meu cu até que eu decidi comprar um vibrador ainda maior, era um big vibrador enorme e muito grosso, quando fui usar quase morri, mais isso eu conto na próxima história. Fui iniciada no sexo por meu próprio pai, o Dr Delço, um advogado muito respeitado e severo mas que na verdade é um safado comedor de novinhas, nada de pedofilia, meu pai como advogado não é otário, adora uma novinha desde que maior de dezoito anos.