Brasileira Luana dando o cu enquanto o marido trabalha

9476 visualizações

34 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , ,

9476 visualizações

34 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , ,

Brasileira Luana dando o cu enquanto o marido trabalha

Brasileira Luana dando o cu enquanto o marido trabalha

E percebi que a Luana podia ser a melhor coisa que me tinha acontecido.

"Depois da primeira transa ela se mostrou mais safadinha quando vinha para a consulta, quando estava vazio eu comia ela ali mesmo na maca, fechava o Box para o caso de alguém entrar, e comia ela bem gostoso, mas não socava com muita força pq já conheciaos gemidos dela, eu abria o jaleco colocava a rola para fora baixava a calça dela e colocava ela de quadro e fodia ela assim, as vezes quando estava cheio era só um boquete enquanto ela fazia o aparelho para tirar a dor nas costas, mas um dia foi muito louco, o consultório estava lotado, só um Box vago, e ela chega com o marido, me apresenta ele e ele sai para ficar aguardando ela fazer a fisioterapia, como sempre ponhoela no Box, fecho a porta, e assim que fecho ela me puxa me da um beijo e diz baixinho no meu ouvido, hoje quero que me coma com ele la fora, meu pau subiu na hora, mas falei que não dava estava muito cheio alguém ia ouvir, mas ela já tinha aberto meu jaleco e estava abrindo o zíper da minha calça, colocou meu pau para fora e chupou, ai toda razão já tinha sumido da minha mente, segurei ela pelo cabelo e fodi sua boca com meu pau, ela chupava como uma ninfomaníaca, e eu segurando para não gemer, ela parou de chupar levantou e tirou sua calça toda ficando so de calcinha e a camisa que estava, sentou na maca chegou a calcinha para o lado e me olhou, ela não precisou falar nada, passei a cabeça da minha rola no seu grelo, ela se estremeceu, falei no seu ouvido que ela não podia gemer, ela concordou com a cabeça e então eu meti nela, fui entrando bem devagar, sentindo sua boceta quente e melada de tesão, fui metendo mais forte e elame olhava com uma cara de devassa que minha vontade ela socar como um animal mas não podia, então segurei ela como frango assado e meti bem fundo nela, sempre olhandopara ela, fui socando mais forte, ela começou a revirar os olhos, quando senti que ela ia gozar, segurei ela pelos cabelos e dei um beijo nela para abafar qualquer gemido, senti seu corpo estremecer de com o gozo dela, e seus pelos arrepiarem, como sempre isso em deixa doido então soquei com mais força ela falou que queria o leite todo na sua boca, então tirei ela da maca, ela se ajoelhou com aquele olhar implorando por leite, gozei sua boca todinha, ela buscava minha porra com a língua depois de lamber minha porra toda ela engoliu tudo. E lá foram eles, conversando, ela disse que era brasileira, ele era dali mesmo.

Depois de alguns minutos virei ela e fui por cima sentia ela me apertando de tanto tesao, depois de um certo tempo lembramos que estávamos sem camisinha, perguntei a ela se queria que colocasse e ela disse que n havia necessidade, mas pediu para que eu n gozasse dentro pois ela estava no período fértil, e ela n tomava remédio ela e o marido usavam o sistema de tabelinha para ela n engravidar, continuamos o sexo por um bom tempo mudando de posição por varias vezes, ela estava por cima quando percebi que iria gozar, falei para ela parar que eu iria gozar qd disse isso ela começou a fazer movimentos mais rápidos e falando tbm estou quase lá, aguenta vamos gozar juntos. nós deitarmos no chão, tentei sair correndo para pedir ajuda mas dois delesmuito mais agressivo, com os dedos abriu as bandas de minha bunda e enfiouAgora passo a contar o caso real que aconteceu comigo e Lucia, 36 anos, dona de corpo muito bonito, bunda empinada, seios tamanhos médios, e com um sorriso perfeito além de ser muito simpatica, ela trabalhava numa clínica, perto do meu serviço, e todo dia, no fim do batente eu esperava Lucia passar, comecei então a tentar me aproximar, e como um gavião, comecei a perturbar a sua cabecinha, todo dia a convidava ela pra sair, ,mais ela não aceitava porque estava separando do seu marido e não queria complicações no fórum. Fui desacelerando enquanto eu beijava sua nuca.